viagem

o vento vai trilhando a vontade de chegar,
a gente vai desligando da vida que ficou,
e ficamos atordoados, perplexos com tanta novidade.
tudo é tão lindo.
trecho a trecho
o paraíso vai se completando,
os olhos vão sendo guiados
pelo quadro de riscos verde do mato,
o cheiro de saudade vai misturando
como perfume esperado da surpresa.

meu Deus. é tanto chão pra cortar.
tanto mar de asfalto pra navegar.
o destino escolhido é perdido
para redescobrirmos o desconhecido.
o tempo vai se extendendo
e não quer mais passar,
acho que ele também
gostou da viagem

5 comentários:

_Thiago disse...

Oi =)
Gostei dos poemas,
este menos compacto que os demais que eu li,
mas também muito bonito,
transmitindo sensações.
Adoro bons blogs.
Voltarei pra ver as novidades.
Abraço.

Leandro disse...

Fala, parceiro Tião...

Parabéns pelo poema "Viagem"...
Só tá faltando as pontuações nas frases pra elas poderem respirar ao serem lidas, ahahah...

Mas ela tá bem legal, parabéns !!!!

Grande abraço...
Valeuuuuuuuuuuuuuuuuu...

Gabriela disse...

Ei tiaozinho, passeando por aqui, poemas legais cara!
Vc que escreve?

silviana disse...

Muito instrutivo seu poema,
tião.
Ao ler ele induz as pessoas a pensarem no sentimento que há dentro de cada um
e em seus objetivos!!!!!!!!!
ADOREI!!!!!!!!

patrícia disse...

como sempre, lindo poema...
parabéns, te admiro muito!